domingo, 5 de julho de 2009

Eu fui pra Maracangalha...

Eu fui. E sabem o que escutei lá?

Finado Michael.

É isso mesmo. Até a festa que se dedica ao melhor da música popular brasileira se rendeu ao assunto do momento. Não escutei somente uma música lá, mas pelo menos 6, algumas em sequência.
Para falar a verdade, não aguento mais ouvir uma nota só que remeta ao acontecimento do ano, mas a mídia insiste em estender a repercussão. Todos querem saber sobre o testamento. Todos querem ir ao funeral.
Eu só tenho dois comentários a fazer sobre o Michael:
1) Gosto muito do Jackson 5. As dancinhas enquanto tocavam eram incríveis.
2) Uma das maiores vergonhas alheias que senti foi assintindo o clip de Beat It, especialmente quando aquele rapaz de branco começa a brigar, e posteriormente dançar.

Mas até que a festa enterrou o finado, e voltou a tocar a nata da mbp novamente.

Mal posso esperar que a mídia faça o mesmo. Tem tanta coisa mais séria acontecendo no Brasil. Caso Sarney e afins, só para dar um exemplo.

Então, deixo aqui a minha súplica. Enterrem Michael, e vamos voltar à vida real.

Abraços para quem fica.

Guto Pina

Um comentário:

comme des habitudes disse...

olá. me chamo leandro e por acaso vi seu blog navegando. também postei considerações sobre o M.J . achei super interessante. adoro refexões. o meu é um misto de história, filosofia e cultura geral. se quiser pode me seguir. abraços!